Blog
#Glossário Tecnológico

Tecnologia, TIC, TDIC e TE: qual é a diferença entre esses termos?

Tempestade de ideias

Antes de iniciarmos, gostaria de propor um breve exercício: feche os olhos por um momento e pense no que vem a sua mente, quando pensa na palavra tecnologia.

O que você pensou?

Quando faço essa pergunta nas formações em que ministro, geralmente a resposta é: computador, celular, tablet… quase nunca as  pessoas respondem: cadeira, lâmpada, caneta…  Mas vejamos a origem da palavra.

A origem da palavra

A palavra tecnologia tem origem no grego antigo e  deve ser separada em duas partes: “téchne”, que pode ser definido como arte, técnica ou ofício e “logia”, que vem de logos, que significa razão ou o  estudo de algo. Como sufixo “logia” também pode ser compreendido como ciência, a palavra também significa o estudo do ato de transformar.

Outros significados

Tecnologia pode também ser entendida como o conhecimento técnico acumulado, a capacidade ou arte necessárias para projetar, investigar, produzir, refinar, reutilizar/re-empregar técnicas, artefatos, ferramentas, utensílios.

É um termo abrangente, mas que podemos definir como um conjunto de técnicas, processos, métodos, meios e instrumentos de um ou mais domínios da atividade humana. É uma aplicação prática do conhecimento científico em diversas áreas e setores da sociedade (BASTOS, et all, 2008).

Por exemplo, para  construir qualquer coisa (seja uma lâmpada, uma cadeira, um computador ou um prédio) é preciso haver pesquisa, planejamento e criação do produto, gerando assim todo um serviço. A todo esse processo, chamamos de tecnologia (KENSKI, 2012)

Uso da Tecnologia

Tecnologia pode também ser entendida como o conhecimento técnico acumulado, a capacidade ou arte necessárias para projetar, investigar, produzir, refinar, reutilizar/re-empregar técnicas, artefatos, ferramentas, utensílios.

É um termo abrangente, mas que podemos definir como um conjunto de técnicas, processos, métodos, meios e instrumentos de um ou mais domínios da atividade humana. É uma aplicação prática do conhecimento científico em diversas áreas e setores da sociedade (BASTOS, et all, 2008).

Por exemplo, para  construir qualquer coisa (seja uma lâmpada, uma cadeira, um computador ou um prédio) é preciso haver pesquisa, planejamento e criação do produto, gerando assim todo um serviço. A todo esse processo, chamamos de tecnologia (KENSKI, 2012)

Tipos de Tecnologia

Como a tecnologia auxilia a resolver problemas e é uma produção humana existem diversos tipos de tecnologia, como por exemplo, militar, a tecnologia de construção,  a tecnologia medicinal, a tecnologia educacional, a tecnologia industrial, a tecnologia da informação, entre outras.

Origem de novos termos

A Segunda Guerra marcou o desenvolvimento mais acelerado e de expansão das tecnologias, já que antes e durante a guerra, o objetivo era aumentar a produção de armas. E no pós-guerra, a tecnologia foi profissionalizada para que seus produtos ajudassem na reconstrução da economia mundial (LEITE e SAMPAIO,2010 ).

O  início das operações com computadores, na década de 50,  acarreta a revolução tecnológica que atinge todos os setores da sociedade e gera rápidas mudanças  em vários campos.

Durante muito tempo, falava-se apenas no computador. A medida que o tempo passava e mais descobertas aconteciam, começou a ser empregado o termo novas tecnologias de informação (NTI) para essas invenções.  Com o avanço da microeletrônica, a partir da década de 70 e a associação entre informática e comunicação, surgiu um novo termo para designar essas novas tecnologias: tecnologia da informação e comunicação, cuja sigla é TIC.

A área da tecnologia da informação e da comunicação começou a se destacar mais do que as outras porque houve o desenvolvimento de aparelhos que lidam com a distribuição da informação de forma cada vez mais veloz, abrangendo um número crescente de pessoas e realizando cálculos cada vez mais avançados. E em meio a essa evolução tecnológica, surge um novo conceito: tecnologias digitais da informação e da comunicação (TDIC’s). 

 

As Tecnologias da Informação e Comunicação correspondem as tecnologias que interferem e mediam os processos informacionais e comunicativos das pessoas, como por exemplo o rádio, o jornal e a TV.

É um conjunto de diferentes mídias que se diferenciam pela presença de tecnologia digital, ou seja, equipamentos que se utilizam do processamento de dados armazenados e funcionam através da decodificação de códigos numéricos. 

Muitos autores não diferenciam os dois termos (TIC e TDIC), utilizando-os

Exemplo:

 Equipamentos antigos, como videocassete, telefone fixo usavam uma tecnologia analógica, pois os sinais de áudio ou vídeo eram traduzidos em pulsos elétricos e portanto, são TIC’s. Já os projetores multimídia e os telefones celulares atuais, são TDIC’s, pois convertem os sinais em zeros e uns. 

A vantagem dessa tecnologia é que as conversas e imagens tem uma qualidade melhor, sem tantas distorções. Quem se lembra daqueles chuviscos das TV’s antigas e conversas ao telefone, cheia de cortes?

E onde entra a Tecnologia Educacional?

o campo de estudo que se preocupa em investigar a teoria e prática dos recursos tecnológicos na prática educativa é a Tecnologia Educacional. A proposta desta área de estudo é aplicar conceitos e técnicas para uma transformação da educação.

O conceito de tecnologia educacional pode ser definido como o conjunto de procedimentos que tem o objetivo de colaborar com os processos de ensino e aprendizagem com a utilização de meios e suas consequentes transformações culturais.

Cabe lembrar que já utilizamos diversas tecnologias educacionais e seu emprego depende de cada época histórica. O livro didático, o quadro e o giz ainda são utilizados por muitas escolas e em pleno século XXI a pedagogia tradicional ainda persiste, em detrimento de outras metodologias. Dessa forma, um dos  grandes desafios na Era Digital é utilizar (e bem) as TDIC’s.

Você conhecia esses termos? Esse texto contribuiu para seu conhecimento? Então comente, curta, compartilhe!

Quer contribuir para que outros também aprendam sobre esse assunto?

Compartilhe em suas mídias

Clique em dos botões abaixo para escolher em qual rede social, você ajudará as pessoas a saberem mais sobre esse assunto: 

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no skype
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no delicious
Compartilhar no telegram
Compartilhar no print

Quer aprimorar suas habilidades digitais?

Escreva para mim, clicando no botão abaixo.